Monte um plano de negócios para o seu escritório de advocacia




Quando pensamos em empreendedorismo, precisamos pensar sobre planejamento. Essa é a peça fundamental para o sucesso do seu negócio. Por isso, hoje vou dizer por que é essencial que você aprenda a construir um plano de negócios específico para o seu escritório. Mas o que é um plano de negócios? Um plano é um documento por escrito desenha a trajetória da sua empresa ou escritório. Aqui são colocados os objetivos da empresa, o público alvo, os passos a serem tomados, os resultados esperados, etc. Esse documento precisa mostrar uma visão ampla da sua ideia de negócio e possuir uma linha do tempo para concretizar passos e etapas.


A advocacia está, cada vez mais, inserida em cenário competitivo, comprovado pelos números da OAB. Planejar e entender a sua ideia de negócio e a sua área atuação antes de começar, fará toda a diferença no seu desempenho. O plano de negócios é a primeira etapa de quem quer empreender. Ele é uma ferramenta na qual você irá planejar o alcance que deseja para o seu negócio, reduzirá a insegurança ao analisar o mercado e aumentará a chance de sucesso da sua ideia.


Como muitos advogados ainda não possuem muitos conceitos de gestão na sua formação vou explicar como aplicar o plano de negócio para a realidade do mercado de advocacia. Isso te ajudará a construir o escritório que você sempre sonhou.





Passe a ver o seu escritório como empreendimento


Esse ponto é fundamental para começar. Você precisa ter a consciência de que pode ser um empreendedor dentro do seu nicho. Comece a pensar na sua área de atuação. O que pode ser melhorado? Qual serviço pode ser benéfico para os seus clientes? Onde existem oportunidades para agir? Se coloque no lugar do seu público. Assim você começa a entender melhor o cenário em que atua e fica mais fácil de encontrar soluções customizadas.



Analise o mercado


Verifique para onde o mercado está caminhando. Há oportunidade ali? Há muita gente atuando nesse nicho? Quantos concorrentes eu teria? O que o mercado espera? A partir dessas perguntas você conseguirá definir o público alvo e os serviços que o seu escritório podem oferecer.



Identifique os gargalos


Aqui é importante identificar a viabilidade do seu negócio e o quanto você precisará investir para fazê-lo funcionar. Você precisa analisar se irá investir em um escritório físico ou virtual. Quantas pessoas irão trabalhar com e para você? Tudo isso dependerá não apenas do investimento de dinheiro e tempo, mas do seu público, da área de atuação e da pesquisa de mercado.



Coloque a mão na massa


Essa etapa do plano de negócios é algo que leva tempo para ser preparada e quanto mais você investir tempo e energia nisso, melhores serão os resultados do seu plano de negócio. Escreva as ideias, troque conhecimento, busque as atualizações do mercado. Gaste tempo para entender a missão, visão e valores do seu escritório e onde você quer chegar.

Você já tem um escritório funcionando e possui uma atitude empreendedora, mas não construiu um plano de negócios para ser a sua base? Não tem problema, ainda dá tempo! Tente! Fez um plano e não deu certo. Refaça e comece novamente.




13 de Abril de 2020.


Professor Rodrigo Telles

0 comentário

Posts recentes

Ver tudo